São Paulo, 12 de novembro de 2018

Regulamentação passo a passo: o que o motociclista profissional precisa fazer para ficar dentro da lei de padronização do setor de motofrete


Para fazer o curso

Matricule-se em uma instituição de ensino credenciada pelo Detran.SP (ver lista abaixo do Sest-Senat), apresentando os seguintes documentos: foto 2×2 colorida e recente, certidão original de prontuário do Detran para fins de direito (retirar no Ciretran da cidade onde foi emitida a CNH ou no Poupatempo), cópia da CNH e certidão original de distribuição criminal (retirada no fórum da cidade onde foi emitida a CNH).

Após aprovação no curso

Você receberá o seu Certificado e deve levar ao Detran para conferência e inserção do curso no prontuário e solicitar alteração da CNH para Motofretista.

Após inserção no prontuário

Com a CNH modificada, você deve ir ao SindimotoSP (Rua Dr Eurico Rangel, 58 – Brooklin Novo – SP) para obtenção do Condumoto e Licença Motofrete (placa vermelha). A documentação necessária está em www.sindimotosp.com.br/beneficios/apoio.html.




fonte: Imprensa Jornal a Voz do Motoboy

<< ver outros artigos