São Paulo, 15 de Abril de 2017

Motoca fique de olho: licenciamento 2015 já começou


O valor de R$ 72,25 deve ser pago na rede bancária credenciada, quem preferir pode receber o documento pelos Correios pagando mais R$ 11,00 para a entrega. O serviço pode ser feito de forma eletrônica, com entrega do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) pelos Correios, ou diretamente nos postos do Detran.SP e do Poupatempo.
De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), válido em todo o país, todos os veículos devem ser licenciados anualmente e o porte do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) é obrigatório. No Estado de São Paulo, o licenciamento é feito entre abril e dezembro, de acordo com o final da placa.
Conduzir veículo com o licenciamento em atraso é infração gravíssima - artigo 230 do CTB - multa de R$ 191,54, inserção de sete pontos no prontuário do condutor, além de apreensão e remoção da moto.
Já conduzir sem portar o documento, mesmo que o licenciamento esteja em dia, é infração leve - artigo 232 do CTB - multa de R$ 53,20, três pontos na carteira e retenção do veículo até que o documento seja apresentado.
Passo a passo (NEGRITO) – A taxa de licenciamento para o exercício 2015 é de R$ 72,25 e pode ser paga pela internet, caixas eletrônicos ou nas agências dos bancos credenciados. Ao realizar o licenciamento, é preciso quitar possíveis débitos de IPVA, seguro obrigatório e multas.
Na hora do pagamento, é preciso fornecer o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam). Para receber o documento via Correios, é necessário pagar o valor adicional de R$ 11, referente à postagem. A entrega é feita em até sete dias úteis. Lembrando que o IPVA teve vencimento de cotas em março, agora só é possível o pagamento integral e o valor do Seguro Obrigatório (DPVAT) é R$ 292,01.


fonte: Imprensa Jornal a Voz do Motoboy

<< ver outros artigos