São Paulo, 15 de Abril de 2017

Contran torna obrigatório sistema ABS ou CBS no freio de moto nova. Exigência será de 10% em 2016 e chegará a 100% em 2019, inclusive para motocicletas de baixa cilindrada.


O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) determinou, em resolução já publicada, que motos deverão sair de fábrica com sistemas que auxiliam na frenagem.
As motos novas que têm menos de 300 cc poderão ser equipadas com freios ABS ou com o CBS, que distribui proporcionalmente a força de frenagem para as duas rodas, a fim de garantir uma desaceleração rápida e segura. Para motos com mais de 300 cc será obrigatório o ABS.

Para a associação dos fabricantes, a Abraciclo, a indústria brasileira já tem capacidade de ser adequar à exigência e a novidade trará mais segurança aos usuários. A norma é similar à existente na Europa.
Segundo a Honda, que detém 80,4% do mercado brasileiro de motocicletas, a diferença de valor de uma moto com e outra sem ABS é de cerca de R$ 1,5 mil.



Veja o calendário de adoção dos sistemas, segundo a resolução 509 do Contran

1º de janeiro de 2016: 10% da produção ou importação
1º de janeiro de 2017: 30% da produção ou importação
1º de janeiro de 2018: 60% da produção ou importação
1º de janeiro de 2019: 100% da produção ou importação
foto


fonte: Imprensa Jornal a Voz do Motoboy

<< ver outros artigos